Cursinho gratuito em Curitiba abre inscrições para os superintensivo

Por Pamella Victória

O Cursinho Solidário, atividade desempenhada pela ONG Formação Solidária, abriu as inscrições para o módulo superintensivo do curso preparatório para o vestibular, com 100 vagas disponíveis. As aulas ocorrem na sede Positivo (Av. Sete de Setembro, 4228 – Batel, Curitiba) e na sede UTFPR (Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças, Curitiba). Esse módulo conta com cerca de quatro meses de aula com preparatório também para a segunda fase do vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Aos interessados, é preciso que realize cadastro no site (link do site) e inscrição até dia 16 de julho.

As atividades do cursinho ocorrem desde 2002, um projeto que começou com cerca de 40 alunos para mais de 300 atualmente. Esse crescimento se deu por parcerias realizadas nesses 15 anos do projeto, que ajudaram com material, infraestrutura e até professores voluntários, no caso da parceria com o Curso Positivo. No último ano, foram aprovados cerca de 240 alunos em vestibulares de universidades públicas e processos seletivos como o SISU (Sistema de seleção unificada) e PROUNI (Programa Universidade para Todos) que são programas do governo brasileiro de acesso ao ensino superior. Esse ano, a expectativa é manter ou aumentar esse número de aprovações, como comentou Elias Bonfim, coordenador e fundador do curso.  Continuar lendo

Anúncios

Estão abertas as inscrições para o 35° SEURS

Por Bianca Julia Rudiniki Costanski

A Pró-Reitora de Relações Empresariais e Comunitárias (PROREC), por meio da Diretoria de Extensão (DIREXT), torna pública a abertura do Processo de Seleção Interna de trabalhos para o 35º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul (SEURS). O formulário para a submissão das propostas, disponível no do site da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), na página do DIREXT, órgão responsável pela seleção dos trabalhos inscritos, deverá ser enviado até o dia 30 de julho, também na página de Extensão, nos formatos .doc/.docx ou .odt (ou não serão avaliados).

O SEURS é o principal evento de extensão da região sul do país e terá como temática a Internacionalização da Extensão. Este ano, ocorrerá entre 30 de outubro e 01 de novembro de 2017, no campus Jardim Universitário da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA) e na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), em Foz do Iguaçu. Nesse seminário há trocas de novas ideias de como fazer extensão com o conhecimento produzido pela pesquisa nas universidades.  Continuar lendo

Ciclo de estudos na UFPR aborda protagonismo negro

Evento é espaço de formação e exposição de conhecimento com foco em protagonistas negros na área de tecnologia

Por César Cruz

Em junho, foi dado início ao segundo módulo do 1º Ciclo de Estudos Negros da Universidade Federal do Paraná (UFPR). No dia 03, foi abordado o tema “Tecnologia e Relações Raciais”, com a participação do professor Carlos Eduardo Dias Machado, mestre em História pela Universidade de São Paulo (USP). O palestrante, que também trabalha na rede pública municipal, falou sobre “Ciência, Tecnologia e Inovação Africana e Afrodescendente”. Organizado pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB) da UFPR, e pelos coletivos Frente Negra e  Alguém Te Perguntou? (ATP), o ciclo debateu sobre “Tecnologia e Trabalho” no último dia 17 e abordará “População Negra e Mercado de Trabalho” no dia 01 de julho, sábado, às 8h, no Auditório de Administração do Centro Politécnico da UFPR.

Em sua fala, o professor Carlos Machado mostrou resultados de um estudo aprofundado, que virou livro, sobre as genialidades da humanidade. A obra destaca criações e invenções feita por pessoas negras que buscaram representatividade na sociedade. O professor ainda destacou os estudos sobre essa representatividade negra na tecnologia, bem como nas demais ciências. Segundo ele, “a ciência africana foi oculta há mais de 500 anos na ideia de hierarquia na construção de raça, em que o homem branco e heterossexual está no topo e quem é mulher, ou de outra etnia, está abaixo”.  Nesta perspectiva, somente o branco produz tecnologia e inovação, outras populações não produzem nada.

Professor Carlos Machado UFPR

Prof. Carlos Machado, convidado para ministrar primeira palestra do ciclo em julho (Foto: Divulgação)

Continuar lendo

UTFPR é destaque no Intercom Sul 2017

Alunos do curso de Comunicação Organizacional venceram 8 das 12 categorias que disputaram no Expocom, mostra competitiva de trabalhos experimentais

por Thiago Viana

Terminou na manhã de hoje (17), em Caxias do Sul (RS), a etapa regional Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom), principal congresso acadêmico na área da comunicação. A etapa sul do evento começou no último dia 15 e reuniu, na Universidade Caxias do Sul, estudantes e professores de dezenas de intuições de ensino superior dos três estados da região sul do país.

Além de palestras, discussões temáticas e apresentações de trabalhos acadêmicos, o evento contou ainda com uma mostra competitiva de trabalhos experimentais desenvolvidos por alunos, individualmente ou em grupo, e orientados por professores, o Expocom. Neste ano, a delegação do curso de Comunicação Organizacional da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) volta para Curitiba com pelo menos 8 prêmios da mostra. A UTFPR teve 12 trabalhos aceitos pela organização do evento e para a coordenadora do Bacharelado em Comunicação Organizacional da UTFPR, Elza Oliveira Filha, estes números atestam a qualidade do curso de comunicação da universidade. “Somos um curso novo, com um acúmulo de experiência ainda pequeno, e ter esta quantidade de trabalhos premiados consolida a proposta do curso e demonstra a qualidade da formação oferecida, além de nos colocar em posição de destaque no cenário das instituições de ensino da Região Sul”, comenta a coordenadora do curso. Continuar lendo

UFPR realiza o I Simpósio da Diversidade Sexual em Curitiba

Por Vitor Ilha

Começou, nesta quinta-feira (17), no Prédio Histórico da Universidade Federal do Paraná (UFPR), o I Simpósio da Diversidade Sexual. A data foi escolhida em virtude do Dia Internacional contra a Homofobia, que se comemora no dia 17 de maio. A criação e organização do evento ficou por conta do grupo “ATP – Alguém te perguntou?” – criado por alunos de direito da UFPR.

De acordo com Angela Botario (22), aluna de direito na UFPR e uma das organizadoras do simpósio, o objetivo do evento é permitir a discussão a respeito de assuntos LGBTT para a faculdade. “Ainda existe um preconceito latente na vida dos acadêmicos e muitas pessoas não tinham aonde recorrer para falar sobre a violência sofrida pela comunidade dentro das universidades”, justifica Angela.

FOTO4

Mesa de palestrantes do 1º painel do Simpósio (Foto: Vitor Ilha)

Continuar lendo

Livro discute os impactos e desafios do uso da tecnologia na educação

O professor e filósofo Celso Klammer: “Na sociedade atual, o professor precisa se inventariar constantemente”

O professor e pesquisador paranaense Celso Rogério Klammer lança hoje, a partir das 19 horas, na biblioteca da Universidade Positivo, em Curitiba, o livro “Tecnologias da informação e comunicação” (Appris, 306 páginas). O volume já está à venda nas livrarias. O evento, bastante informal, contará com um coquetel e noite de autógrafos.

Resultado da tese de doutorado de Klammer na PUC-PR no Programa de Pós-Graduação em Educação, o livro é um exposição detalhada sobre as transformações dos métodos de ensino ao longo dos séculos em função das grandes mudanças sociais e tecnológicas.

Veja a seguir os principais trechos da entrevista que Celso Klammer concedeu à AG Comunique. Continuar lendo

Professora da UTFPR fará palestra sobre Comunicação

Jessica Maranho (*)

seminario

No dia 16 de dezembro, às 9h da manhã na sala B-205 na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), a professora Claudia Nociolini Rebechi fará uma palestra intitulada “A mobilização da comunicação na gestão do trabalho”.

A proposta do seminário é discutir sobre o tema, partindo do pressuposto de que o trabalho é uma atividade sempre gerida por aquele que o realiza, mas podendo também ser administrada por outros, criando distintas racionalidades e contradições do mundo do trabalho.

Rebechi é doutora e mestre em comunicação pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (USP), com estágio de pesquisa doutoral no Centre des Recherches Sociologiques et Politiques de Paris, na França. Atualmente é professora do curso de Comunicação Organizacional da UTFPR.

O evento contará com o apoio do Programa de Pós Graduação em Tecnologia e Sociedade (PPGTE) da UTFPR.

(*) Estudante de Comunicação Organizacional da UTFPR

CEU conquista aporte de recursos financeiros para investimento em espaço de estudos

Cristiano Sousa (*)

A Câmara Municipal de Curitiba aprovou aporte de recursos financeiros, no valor total de R$ 40 mil, para a Fundação Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU), para implantação do Espaço Helena Kolody, ambiente que será estruturado na cobertura do edifício sede da Instituição, visando estimular a prática da leitura e o desenvolvimento de atividades literárias e culturais.

Continuar lendo

Trabalhar ou estudar?

TEXTO DE OPINIÃO

Lukas Guibor (*)

Para alguém que possui apenas o ensino médio, o mercado de trabalho proporciona uma remuneração meramente de subsistência. Sabemos que o salário mínimo não cumpre com suas obrigações embasadas no Art. 7, inciso IV da Constituição Federal de 1988 que define que o salário mínimo deve ser capaz de atender as necessidades vitais básicas do trabalhador e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social.

estudar

Continuar lendo

O cotidiano da ocupação da UTFPR em Curitiba

Maíra Kaline (*)

No dia 18 de novembro, às 22:50, parte do movimento estudantil independente da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), decidiu ocupar a sede centro  do Câmpus Curitiba como forma de protesto contra a proposta de emenda constitucional PEC 55, a Medida Provisória 746 e contra a PL198. Nossa equipe acompanhou o dia a dia dos universitários e secundaristas na ação do movimento.

As fotos a seguir mantém o direito de imagem dos participantes e foram utilizados métodos para ocultar as identidades, na captação e no tratamento.

desocupa1No pátio do Restaurante Universitário da UTFPR, alunos se reúnem em assembleia para falar sobre a primeira noite na ocupação e relatar os acontecimentos de sábado, 19 de novembro, que foi um dia repleto de ataques aos manifestantes por parte dos alunos contrários à ocupação. No decorrer dos dias, houve muitos momentos em que era necessário os estudantes se reunirem em assembleia, para decisão horizontal de todas as pautas expostas.

Continuar lendo