Uma grande força!

Como praticar atividades físicas ajuda na vida universitária

#OPINIÃO

Por Allyson Rafael*

Com tantos trabalhos, estudos, apresentações e seminários, boa parte dos universitários acaba se sobrecarregando e deixando a prática esportiva de lado. Isso faz com que a saúde seja prejudicada, tanto do aspecto físico quanto psicológico, acarretando, por exemplo, no aumento de peso e na baixa autoestima. É de extrema importância para todas as pessoas dedicar pelo menos 30 minutos do seu dia para praticar exercícios, seja ele um esporte competitivo ou, simplesmente, abdominais em casa. E isso também vale aos estudantes. Tais ações ajudam, principalmente, os universitários a se sentirem mais leves, focados e criativos.

Se abordarmos dados científicos dessa evolução, podemos começar pela liberação da Endorfina, hormônio natural responsável pela melhora da memória, humor e resistência. Segundos os dados a endorfina, produzida pelo organismo durante a  prática de atividades físicas,  é relevante também por auxiliar o nosso sistema imunológico – pois ninguém quer ficar doente e perder aulas e avaliações, não é verdade? 

Segundo pesquisa realizada pela Fundação Robert Wood Johnson, nos Estados Unidos, mostra que universitários engordam até 7 quilos durante a vida acadêmica. Álcool, alimentação gordurosa e hábitos nada saudáveis são as principais causas do ganho de peso.

Sabemos que a vida universitária não é fácil, a falta de tempo e o cansaço acabam tomando conta de toda a nossa disposição, mas não podemos nos deixar abalar, existem hábitos simples e saudáveis que podemos seguir, como: Comer lanches mais saudáveis, tomar água antes das refeições entre outros hábitos disponibilizados em: hábitos para emagrecer e não engordar nunca mais.

Você não está sozinho!

Dentro da universidade existem diversos caminhos que podemos seguir para evitar o sedentarismo, como participar das atividades esportivas promovidas pelas Associações Acadêmicas Atléticas. Diversas competições são organizadas por elas e todo aluno pode ter a oportunidade jogar, mesmo os que nunca foram atletas antes da universidade.

Em especial a UTFPR disponibiliza seu ginásio, piscina, academia e projetos de extensão para para seus alunos. Em http://portal.utfpr.edu.br você pode encontrar mais informações sobre.

Existem diversas associações em inúmeras universidades brasileiras, fazendo com que a “desculpa” de não ter acesso não justificar a falta de atividade física. Portanto, não deixe a vida universitária acabar com sua saúde, pois é possível organizar os nossos horários e melhorarmos a nossa qualidade de vida. Pode ter certeza que até as notas entrarão nesse ritmo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s