Primeiro DALICultura esquenta a gelada manhã curitibana

Luciano De Marchi Mello (*)

Aconteceu ontem, 9 de julho, a primeira edição do DALICultura, o espaço de manifestação cultural do Departamento Acadêmico de Linguagem e Comunicação (DALIC) da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Organizado pelos alunos do segundo período do curso de Comunicação Organizacional, sob a coordenação da professora Elza Aparecida Oliveira Filha, o evento, teve início às 8 da manhã e terminou aproximadamente ao meio-dia. Contou com diversas apresentações e expressões culturais, ocupando vários locais da Sede Centro do Campus Curitiba.

publico

                                      O público vibrou com as atrações do DALICultura – Foto: Beatriz Rossoni

A gelada manhã curitibana foi aquecida por muita música, com apresentações em diferentes estilos, para agradar todos os ouvidos. Subiram ao palco: Emanuelle Franco (Letras); Luis Tojeiro (Comunicação); Érin Lika Akamatsu (Comunicação) e João Paulo da Silva (UFPR); Anna Clara Bordinião (Letras) e Heloise (Comunicação); professor Nishida (DALIC) e sua esposa, Heloyse; Thayna Bressan (Comunicação), Cesar Cruz (Letras) e Anna Clara Bordinião (Letras); professora Alcioni (DALIC) e Gabriela Nogarolli (Comunicação). Indagado sobre a oportunidade, o estudante Cesar Cruz, comentou: “Acredito que espaços como esse, além de promoverem maior interação entre os cursos de letras e comunicação, acabam propagando a arte e criatividade dos alunos”.

Além da rica programação musical, o evento também contou com amostras de outras ramificações artísticas, como a poesia, declamada pelos alunos de Comunicação Thiago Cardial  e Claudia Santos; teatro, com a professora do DALIC, Maurini Souza e atrações circenses que tiraram o fôlego do público presente, protagonizadas pelas duplas Tariana Zacariotti (Comunicação) e Ale (Educação Física); Joyce Franco (Comunicação) e Juliana (Educação Física).

O DaliCultura trouxe também exposições fotográficas dos alunos do DALIC,  varal de poemas de estudante de Letras, as projeções culturais (video mapping) e uma mostra dos trabalhos realizados pelo tatuador e estudante de Comunicação, Luiz Prendin, que, além de expor seu trabalho, fez algumas tatuagens no local. Questionado sobre a experiência, Luiz disse:  “Foi uma experiência ótima! É ótimo que as universidades abram as portas para produções autorais. No começo, achei que não aprovariam o fato de eu tatuar algumas pessoas durante o evento, mas na hora foram super atenciosos e deu tudo certo. Achei muito legal ter tido esse espaço para expor minha arte. Consegui mostrar um lado meu mais sensível e trocar experiências com todo o pessoal”.

Se a experiência foi enriquecedora para os participantes, a organização também se demonstrou satisfeita com o evento: “Através dessa troca podemos nos humanizar e extrair o que todos nós temos de melhor, a troca de experiências entre os alunos e professores. Tudo é importante e profundo. Desde as poesias, as músicas, as exposições e o mais sensorial que é o circo. Trazer esse envolvimento cultural que existe em nós para dentro da Universidade, para o público, é algo imensurável. Estamos anestesiados e agradecemos aos participantes e ao público”, comentou Maíra Kaline aluna do segundo período de Comunicação Organizacional.

Se você perdeu a primeira edição, fique tranquilo! Em breve o DaliCultura estará de volta, sonorizando e colorindo a UTFPR! Para mais informações consulte a página oficial do evento (hyperlink: https://www.facebook.com/dalicultura/?fref=ts).

 

(*) Estudante de Comunicação Organizacional da UTFPR

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s