Professor da UTFPR-Curitiba lança livro sobre jornalismo cultural

Jaqueline Modesto (*)

Na última quinta-feira (10/04) à noite, foi lançado na Livraria Cultura, em Curitiba, o livro “Jornalismo Cultural e Crítica” (Editora UFPR/ Argos), do professor Marcelo Fernando Lima, do Departamento de Comunicação e Expressão (Dacex) da Universidade Federal Tecnológica – Câmpus Curitiba.

O livro é resultado da pesquisa de doutorado do professor, defendida em 2010, e faz um panorama do desenvolvimento da crítica no jornalismo brasileiro a partir da década de 1940, tendo como principal objeto de estudo 665 edições do suplemento Mais!, publicado pela Folha de S. Paulo de fevereiro de 1992 a maio de 2010.

O autor defende a tese de que o Mais!, considerado o caderno cultural de maior destaque na imprensa brasileira no período, já sinalizava o enfraquecimento da crítica no meio impresso.

Segundo Lima, isso é demonstrado principalmente pela forma conservadora com que o suplemento tratou a literatura dos anos noventa e início do século XXI. Em vez de privilegiar autores novos, o caderno deu grande destaque a escritor brasileiros e estrangeiros já consagrados.

“A crítica jornalística brasileira teve grande presença na imprensa até a década de 1980, quando começou a decair. A criação do Mais! representou uma importante tentativa de fortalecê-la novamente. No entanto, com as importantes mudanças do perfil dos leitores e as transformações tecnológicas na área da comunicação no início do século atual, a crítica praticamente desapareceu dos jornais impressos”, afirma Lima.

Segundo o autor, a crítica literária e a cultural acabaram se refugiando nas universidades, nos cursos de pós-graduação e nas publicações especializadas. “É uma pena que o grande público não tenha mais à sua disposição publicações como o Mais!, que tinha um importante papel na formação de leitores”, diz.

Graduado em Jornalismo (1992, PUC-PR) e doutor em Letras (2010, UFPR), Marcelo Lima é professor do Curso Superior de Tecnologia em Comunicação Institucional da UFPR e do Bacharelado em Comunicação Organizacional. Está na UTFPR desde novembro de 2012. Trabalhou por 14 anos como docente dos cursos de Jornalismo da Universidade Positivo e de Publicidade e Propaganda do Centro Universitário Curitiba. É autor, também, dos livros “Sobre galhos, esqueletos: a poesia de Sérgio Rubens Sossélla” (1999) e “Nas Trilhas de Saint-Hilaire” (2001).

 

Lançamento

Entre os presentes na noite de autógrafos estavam vários ex-alunos de Jornalismo da Universidade Positivo (UP), de Comunicação Institucional da UTFPR. Uma delas é a futura jornalista Maria Luiza de Paula, 20 anos, para quem o livro será uma fonte de informação para o projeto de conclusão de curso. “Estou fazendo o TCC sobre uma revista cultural, e o livro será mais uma referência na minha pesquisa”, diz.

(*) Jornalista, aluna de Comunicação Institucional da UTFPR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s