Brasileirão se despede com pancadaria entre torcedores

torcedor-ferido

(Foto: Heuler Andrey / Agência Estado)

Rondineli Oliveira (*)

“Nunca pensei em ser um repórter de guerra, sempre quis ser um narrador esportivo”. Foi o que disse o narrador esportivo Luiz Carlos Junior, após presenciar a briga generalizada entre torcedores dos times Atlético Paranaense e Vasco da Gama durante partida válida pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2013.

A partida aconteceu no estádio Arena Joinville, em santa Catarina, às 17h de domingo (8). O local da partida foi definido após a perda de mandos de campo pelo time atleticano por conta de outra briga envolvendo torcedores em outubro.

No evento de domingo, o jogo ainda estava em seu início, e o time paranaense vencia pelo placar de 1 x 0 quando o tumulto começou. Em virtude da confusão, o árbitro Ricardo Marques Ribeiro teve que suspender a partida por mais de uma hora.

Durante a confusão, muitas pessoas acabaram feridas, quatro delas em estado grave. Os torcedores Estevão Viana, Wiliam Batista e Diogo Cordeiro da Costa estavam em coma quando foram encaminhados ao Hospital São José. Durante o resgate dos feridos foram utilizados helicópteros e ambulâncias.

Não se sabe quem começou a confusão. Torcedores de ambos os times invadiram a área de proteção que separava as duas torcidas, e partiram para o confronto. Tanto as imagens quanto a súmula preenchida pelo árbitro da partida serão apuradas pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para que, então, as medidas possam ser tomadas. As imagens também devem ajudar a polícia a identificar os torcedores envolvidos na briga.

Quanto aos clubes, as denúncias serão apuradas e julgadas pelo STJD, e se comprovada a culpa, os times terão que cumprir suas punições na próxima edição do campeonato brasileiro, em 2014.

Policiamento

Apesar de se tratar de uma partida importante para ambos os lados, não havia a presença da Polícia Militar dentro do estádio, fator que pode ter facilitado o início da confusão. Porém, a PM não estava dentro de campo por determinação do Ministério Público de Santa Catarina.

De acordo com Adilson Moreira, comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar de Santa Catarina, em entrevista à Sportv, por se tratar de um evento privado, a Polícia Militar ficaria responsável apenas pelo patrulhamento externo, podendo intervir em caso de situações de risco. Ainda segundo o comandante, a segurança interna ficaria por conta de uma empresa privada contratada pelo Clube Atlético Paranaense.

Dentro de campo, os jogadores dos dois times se mostravam claramente abalados. Luiz Alberto, o zagueiro Atleticano de 39 anos era um dos mais emocionados diante do ocorrido.

O jogador declarou que, em 20 de carreira, nunca tinha visto uma coisa como essa, O atleta também lembrou que em vésperas de uma Copa do Mundo no Brasil, estas cenas lamentáveis de vandalismo serão transmitidas para o mundo todo. “Isso é desumano, o torcedor brasileiro tem que parar de ir para os estádios para criar conflito uns com os outros, isso não vai levar a nada.”

Dentro das quatro linhas

Com direito a goleada, e mais de uma hora de paralisação, o time rubro-negro voltou com tudo, e venceu a partida pelo placar de 5×1, garantindo assim o 3º lugar no campeonato brasileiro de 2013 e a chance de disputar a pré-Libertadores em 2014.

Por outro lado, o Vasco da Gama fará companhia a outro gigante do futebol carioca na segunda divisão do campeonato brasileiro, o Fluminense. O time tricolor venceu o Bahia de virada pelo placar de 2×1, mas com a vitória do Coritiba, deu adeus a qualquer possibilidade de permanecer na série A do brasileirão.

(*) Aluno do CTCOM-UTFPR.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s