Alunos do CTCOM apresentam trabalhos a profissionais do mercado

Camila Cassins (*)

A 12ª edição do “Imagine – Sentidos da Comunicação” ocorreu na manhã e na noite desta quarta-feira (2), no miniaditório da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Pela manhã, o evento contou com apresentações de trabalhos em planejamento de comunicação para cliente real, feitos por estudantes do último período do CTCOM.

 Foto: Caio Rieping

Foto: Caio Rieping

Os trabalhos foram analisados pelos profissionais do mercado André Santini, empresário e professor com 20 anos de experiência em comunicação, e Thiago Biazetto, dono de uma agência publicitária e profissional da área há 17 anos.

O coordenador do curso de Comunicação Institucional, professor Camilo Catto, conta que o evento é um desafio aos alunos e tem por objetivo dar visibilidade ao curso, que ainda é desconhecido. “O departamento (de comunicação) e o curso são recentes. Nós queremos projetar o curso no mercado”, explica.

Os estudantes foram desafiados a criar uma agência de comunicação fictícia e um planejamento para o Departamento de Comunicação e Expressão (DACEX) da Universidade Tecnológica. O empresário e professor André Santini achou a escolha interessante, “é um desafio trabalhar com um departamento como cliente. Os alunos se saíram muito bem”.

Foram quatro apresentações e o trabalho melhor avaliado foi premiado. Nesta edição, a vencedora foi a agência de comunicação integrada “In”, feita pelas estudantes Aline dos Santos, Andressa Yamashita, Gabriela Torres e Gabriela Lima.

Os profissionais convidados elogiaram o método de trabalho das estudantes. Segundo André Santini houve “Boa construção de cenário, conseguiu dar um objetivo concreto, fez uma análise bacana, conseguiram materializar a mensagem”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para a jornalista e estudante de comunicação institucional, Jaqueline Modesto, a importância do evento esteve em reunir profissionais de destaque no mercado de trabalho: “São pessoas que se destacam nas suas áreas e trazem suas experiências e motivam para que nós também consigamos trilhar nosso caminho”. A estudante entende que o contato com esses profissionais se torna difícil fora da Universidade, então é uma oportunidade de construir contatos.

Mesa redonda

Antes das avaliações, Santini e Biazetto realizaram uma mesa redonda mediada pela professora Anuschka Reishmann Lemos, em que falaram sobre o próprio trabalho e posteriormente discutiram o trabalho em comunicação institucional e as mudanças que a área está sofrendo, entre elas a obrigatoriedade do uso da comunicação integrada e da onipresença da internet.

Quando questionados sobre errar diagnósticos em comunicação, os dois enfatizaram a necessidade do erro. “Tem que errar, se a gente não errar a gente vai ficar sempre no lugar comum. Feijão com arroz eu adoro, mas todo dia enche o saco”, diz Thiago Biazetto. André Santini explica que o erro, em si, não faz perder o cliente “Você perde uma conta por uma série de erros, por não entender o cliente e o que ele quer, mas não por um erro”.

(*) Aluna do CTCOM-UTFPR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s